Pensar em trabalho depois do expediente faz mal e pode piorar o desempenho, diz pesquisa | Carreira

Você tem o costume de ficar pensando no trabalho, mesmo após o fim do expediente? De acordo com uma pesquisa publicada no “Jornal de Psicologia Aplicada”, esse hábito pode ser nocivo, especialmente para os líderes que acabaram de assumir o cargo. Segundo os pesquisadores, a ruminação constante pode levar os gerentes ao esgotamento, o que prejudica o desempenho profissional e a forma como os funcionários percebem o chefe.

Para chegar a essa conclusão, os cientistas acompanharam 73 líderes por dez dias. Todas as manhãs, antes do trabalho, os pesquisadores pediam aos líderes que refletissem sobre suas experiências na noite anterior e relatassem até que ponto eles se afastaram cognitivamente do trabalho e se tinham tido pensamentos negativos e recorrentes sobre suas demandas. Em seguida, os estudiosos perguntaram aos profissionais o quanto eles se sentiam energizados durante o expediente e o quanto se identificavam com seu papel como líderes.

O levantamento revelou que, quando os líderes se desligavam do trabalho à noite, eles se sentiam mais revigorados no dia seguinte, o que os ajudou a se identificarem mais fortemente com seu papel de líder. Por outro lado, nos dias em que eles haviam refletido sobre o trabalho na noite anterior, eles se sentiam mais esgotados na manhã seguinte, prejudicando sua capacidade de se identificarem como líderes. “Como é preciso energia para lidar com as responsabilidades de liderança, os líderes exaustos podem não conseguir ou não querer mergulhar totalmente em seus compromissos”, afirmaram os pesquisadores em nota publicada pelo site “Harvard Business Review”.

Os responsáveis pelo estudo também pediram a um funcionário de cada gerente que avaliasse a eficácia de seu líder no final de cada dia de trabalho. O resultado foi que os liderados classificaram os chefes que se desligaram do trabalho na noite anterior — e que, portanto, se sentiram mais recarregados e conectados ao papel de líder pela manhã — como mais transformadores e poderosos naquele dia de trabalho. O contrário aconteceu com os líderes que não conseguiram se desconectar de suas tarefas.

“Curiosamente, descobrimos que os efeitos negativos da ruminação após o trabalho foram particularmente pronunciados para líderes que eram mais novos em seus cargos”, observaram os estudiosos em nota. “Líderes inexperientes podem achar a ruminação após o expediente particularmente desgastante porque têm menos prática em gerenciar os desafios da liderança. Encontrar momnetos de descanso e recuperação após o trabalho pode ser especialmente benéfico para aqueles que estão assumindo cargos de liderança pela primeira vez”.

Como é preciso energia para lidar com as responsabilidades de liderança, os líderes exaustos podem não conseguir ou não querer mergulhar totalmente em seus compromissos, dizem pesquisadores” — Foto: Pexels

A partir de tais achados, os cientistas elaboraram três recomendações práticas para os líderes:

1. Encontre maneiras de se desligar do trabalho depois do expediente

Procure fazer atividades que você gosta à noite para afastar seus pensamentos do trabalho, como praticar um novo hobby, fazer exercícios, passar tempo com a família, ou simplesmente ler um livro para relaxar.

2. Estabeleça limites entre trabalho e casa

Delinear claramente as horas de disponibilidade para os funcionários pode ser útil para garantir um tempo adequado todos os dias para se recuperar após o trabalho. Além disso, criar diretrizes para si mesmo sobre quando interrupções relacionadas ao trabalho são permitidas fora do horário de trabalho pode ser uma prática útil.

3. Use o tempo de descanso para recuperar suas energias e aprimorar sua identidade como líder

Os líderes precisam gerenciar sua energia após o expediente. Salvo emergências, quando estão em casa, eles precisam se desconectar das responsabilidades de liderança e se recarregar participando de atividades familiares ou de lazer.

Os estudiosos reiteram que os líderes não devem ficar conectados ao trabalho a qualquer hora para ter um bom desempenho aos olhos de seus funcionários. Ao contrário: deixar o trabalho de lado no final do dia desempenha um papel fundamental no desenvolvimento de lideranças bem-sucedidas.

Pensar em trabalho depois do expediente faz mal e pode piorar o desempenho, diz pesquisa | Carreira

COMENTÁRIOS