Minas Gerais lidera crescimento no setor de turismo, aponta pesquisa do governo – Notícias


Minas Gerais foi o estado Brasileiro que registrou o maior crescimento no setor do turismo em 2023. O levantamento é do Governo Estadual com base em dados do IBGE (Instituto Brasileira de Geografia e Estatísticas).


Um relatório da Secult (Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais) indica que o setor movimentou R$34 bilhões no ano passado. A geração de emprego também chamou atenção. Foram 50 mil novos postos, o equivalente a 26% das 187.866 vagas geradas até novembro, segundo dados do Caged (Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).


Na avaliação do governo, os resultados estão ligados à adoção de uma política de descentralização adotada pela Secult, por meio do programa Mais Turistas, que implementa ações para fortalecer o turismo em todo o estado, inclusive no interior.


Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu Whatsapp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Assine a newsletter R7 em Ponto


Uma das ferramentas para facilitar o acesso à cultura do estado é a Minas Criativa,  que reúne o cadastro das bibliotecas públicas ou privadas, empresas do segmento artístico, espaços culturais, museus e profissionais do setor.


“A economia da criatividade é responsável por mais de 755 mil empregos em toda Minas Gerais. É o setor que mais emprega, e ainda faz isso de maneira sustentável. A meta do Mais Turistas e do Minas Criativa é criar 100 mil empregos no setor até o final de 2024, e estamos no caminho certo”, avalia o secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas de Oliveira.


Projeto


A descentralização da política voltada ao turismo em Minas Gerais acontece por meio de projetos em diferentes regiões do estado.


Um deles é composto pelas rotas turísticas Cafés do Cerrado, Cafés do Sul de Minas e Rota das Artes. Os roteiros fazem parte do “Diversifica”, elaborado em parceria com o Sebrae Minas. Os passeios levam os amantes da cultura mineira para experimentar os cafés e conhecer os patrimônios culturais do estado.



A cozinha mineira não ficou para trás. Com o 1º Festival Internacional da Cozinha Mineira Contemporânea no Palácio da Liberdade, mais de 5.000 visitantes foram recebidos entre os dias 1 e 3 de setembro.

O Carnaval também é destaque. A edição de 2024 chega com uma expectativa alta para todo o público. Com sua primeira edição em 2023, o Carnaval da Liberdade, por exemplo, movimentou R$1,5 bilhão.


“Ampliamos os investimentos e atrações. Neste ano teremos sonorização de ruas e avenidas, espaços para ensaios dos blocos em Belo Horizonte. Esperamos um fluxo de 12,1 milhões de pessoas em todo o estado, com movimentação de R$1,8 bilhão “, projeta o secretário.


*Estagiário sob supervisão de Pablo Nascimento

Minas Gerais lidera crescimento no setor de turismo, aponta pesquisa do governo – Notícias

COMENTÁRIOS